domingo, 19 de abril de 2020

Twitter War: Covid-19 - Terceira Parte!


Twitter War Covid-19 Terceira Parte

Infelizmente, não dá para confiar nos meios de comunicação tradicionais, pois muitos estão comprometidos com o vírus e com o medo, por isso, eu apelo para as contas de médicos, profissionais e analistas (verificados ou não) no Twitter e no Youtube. Ali, encontro dados e análises que a mídia não mostra de forma eficiente (se é que mostra).


Para evidenciar como o isolamento adotado por alguns governadores não é o adotado por médicos, olhem o isolamento adotado pelo hospital Albert Einstein em vídeo mais recente. Segundo a recente posição do hospital, o isolamento é somente para o paciente infectado e seus familiares próximos. Ou seja, não é nada parecido com o isolamento horizontal adotado por Dória, que vou chamar de isolamento doriano.



Porém, alguns podem dizer que ele está respeitando a OMS. A mesma OMS que os EUA e o Japão cortaram doações e acusam de favorecer a China? Pois até eles dizem que é necessário olhar para os mais pobres e não impedir o trabalho, não impedir a educação. Não impedir os direitos humanos! 


Os mesmos governadores que estão inflando os números de mortes por Covid-19, como algumas contas já mostraram, também usam a mídia para dar informações falsas para a população sobre o uso em quase 100% das UTIs em seus estados. Olhem esse tuíte e tirem suas conclusões. Ele mostra o mesmo que o médico oncologista, do hospital Albert Einstein, também relatou. O uso das UTIs parece mínimo e hospitais destinados ao cuidado para com os doentes estão vazios. Veja o tuíte abaixo e os outros na segunda parte dessa série. Lembrem do dado informado pela conta do procurador da República Ailton Benedito sobre o número de mortes por covid-19 que ele tirou do sistema Data-SUS.


Contradições dentro de um mesmo grupo!


E qual a razão para as mortes no Brasil estarem em nível tão baixo em relação a previsões e estudos dirigidos?  Isso diz respeito ao número de infectados sem sintomas que já foram curados e servem como escudo para a população como um todo. Se olharam com cuidado para o primeiro post da série e, também, para o segundo post, já sabem, pois lá estava a dica: é o que chamam de imunidade de rebanho. Infectados que foram curados servem de proteção para a população em geral. Como o vírus se alastrou pelo Brasil em janeiro, muitas pessoas já possuem anticorpos para o vírus e bloqueiam sua propagação.


Isso deixa evidente o uso político do vírus na tentativa de desestabilizar a sociedade. Alexandre Garcia, no vídeo que coloquei na segunda parte dessa série, já deixava claro que governadores devem ser responsabilizados pelos crimes que estão cometendo. Eles estão impedindo a livre circulação de pessoas, bens e mercadorias. Eles estão fechando as fronteiras de seus estados. Estão em evidente desobediência ao Governo Federal, e até às normas da OMS, e com anuência dos ministros do STF que deram carta branca aos estados e municípios, contra a regulação que seria própria do Governo Federal.

E a bagunça ainda é maior por conta de um certo Nhonho e seus aliados, que estão destruindo cada semente plantada pelo presidente eleito. Para destruir o presidente da República eles estão destruindo o Brasil.


E um pequeno choque. O que as pessoas que insistem em usar a ciência como desculpa para suas crendices vão dizer o que sobre isso?


Essa semana promete ser intensa na política. Apertem os cintos, pois acredito que o golpe contra o presidente da República poderá ganhar novos rumos.

  

Demon Lord

  Demon Lord M eu mundo é de trevas; I ntenso o momento; S ou rei que tudo pode; F arei o seu tormento; I rei destruir tudo; T odo o sofrime...