Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de novembro 5, 2023

Antologia do Pequeno Rato

 Não é um exemplo de literatura gótica, apesar de ter animais fantásticos que falam, mas possui o sofrimento da alma da literatura gótica. É um clamor sofrido de um pequeno ser que está preso em um ambiente de experimentos e só tem no seu cientista o seu observador e, quem sabe, seu salvador. É uma metáfora para os sentimentos de traição, perda e dor de ser agredido e não ter a força necessária para reagir. Tudo isso é gótico. 

Os Melhores Encerramentos!

Texto revisado via ChatGTP-4 Normalmente, não costumo elogiar encerramentos, pois eles tendem a ser mais simples. A lógica por trás de uma impressionante animação de abertura é capturar e prender a atenção do público que está prestes a assistir a uma série. Ela oferece detalhes da trama, cenas memoráveis e uma música tema, criando uma expectativa positiva e estimulando a audiência. Em contrapartida, os encerramentos geralmente são mais simples, uma vez que muitas pessoas perdem o interesse logo após o término do episódio e passam a fazer outras atividades. Por isso, os encerramentos são frequentemente vistos como uma etapa secundária no processo de animação. Nesta temporada, no entanto, tivemos encerramentos muito bem elaborados e com toques criativos dignos de nota. Por isso, decidi destacar aqui aqueles que mais me surpreenderam. Muitos deles fazem referência a outras formas de arte visual. Dr. Stone Neste encerramento, vemos um artista criando uma obra com um material semelhante à a

Goblin Slayer!

Goblin Slayer vai, Sangue e lágrimas na chuva, Goblins tremem. Abaixo eu vou deixar o encerramento da série que nos brinda com momentos da Sacerdotisa. 

As melhores aberturas da temporada!

  Melhores aberturas dessa temporada   Texto revisado via ChatGPT-4 Frieren, para mim, foi a vencedora e, por isso, teve uma semana dedicada somente para ela! E aqui estão as demais aberturas que eu acabei gostando nessa temporada.   Tearmoon Teikoku Monogatari: Dantoudai kara Hajimaru, Hime no Tensei Gyakuten Story   Esta série explora uma temática que frequentemente me faz refletir: o conceito de reencarnação e desenvolvimento espiritual. No espiritismo, a ideia de reencarnação serve como um caminho para o aprimoramento do espírito. No entanto, sempre me perguntei se isso seria verdadeiramente justo, a menos que a pessoa pudesse se lembrar dos erros e acertos de suas vidas passadas. A série aborda esse dilema de forma única ao focar em uma princesa cujo destino lembra o trágico fim de Maria Antonieta. A reviravolta é que ela tem a oportunidade de voltar aos seus 13 anos e tem um prazo de oito anos para mudar seu destino e evitar a guilhotina. O mais impressionante é como