Pular para o conteúdo principal

O belo vive!

 O Belo vive;  Sonhos na neve;  Alma limpa!

Drops: O melhor de 2017, Parte I

Drops: O Melhor de Porto Alegre I & O Melhor de 2017 em Anime I

O Melhor de Porto Alegre I



Aqui começo com a melhor comida de bar, especializada em comida japonesa, de Porto Alegre. Izakaya Danjou possui pratos que saem da mesmice do sushi e sashimi. Aqui temos dashimaki, lámen, entre outras iguarias. Pedi, como entrada, um guioza que veio muito suculento. Crocante por fora e muito caldoso por dentro. Além de estar com uma apresentação linda!



Como prato principal, foi um lámen vegetariano. Servido em uma grande tigela, o prato veio com um caldo levemente adocicado. Um prato harmônico, que misturava bem o sabor de cada ingrediente. E a quantidade servida era bem generosa. Sempre procurei um estabelecimento que servisse um prato assim.



Clique para ver o cardápio completo.

E terminei com um chá verde! 



Eu vou retornar para conhecer outros pratos que não pude experimentar.

Serviço:
Izakaya Danjou
rua Félix da Cunha, 641 ​
Floresta - Porto Alegre - RS


DIA: segunda a sexta das 11:30 às 14:30
sábados das 12:00 às 15:00
NOITE: terça a sexta das 18:30 ás 23:00
sábados das 19:00 às 23:00


*****
*****


O Melhor de 2017- Inverno



No inverno de 2017, nós tivemos o prazer de acompanhar Granblue Fantasy. Diferente do que os japoneses tentaram realizar em Chain Chronicle, esta série segue bem direitinho a linha do jogo e foi bem fiel em sua adaptação. O estúdio ainda trouxe uma animação rica em detalhes, com sombras e luz, de forma a deixar tudo muito bem delineado. Isso demonstrou também o cuidado técnico para com a obra. O resultado foi que a série foi um grande sucesso de vendas e uma das minhas preferidas do ano passado.  Assista via Crunchyroll.


Sinopse: “Este é um mundo de céus, onde várias ilhas flutuam pelos ares. Um garoto chamado Gran e um lagarto alado falante chamado Vyrn moram em Zinkenstill, uma ilha cheia de mistérios. Certo dia, eles conhecem Lyria. A garota escapou do Império Erste, um governo militar que tenta dominar o mundo através do poderio bélico. Para escapar do Império, Gran e Lyria seguem para os céus abertos, carregando a carta que o pai de Gran lhe deixou, que dizia: "Estarei esperando em Estalucia, a Ilha das Estrelas."

Um pequeno AMV da série:


Postagens mais visitadas deste blog

Boushoku no Berserk

Berserk of Gluttony: Uma Série Que É Meu "Pecado"! Boushoku no Berserk (Berserk of Gluttony) - Pictures - MyAnimeList.net Fate é um jovem que acreditava ter uma habilidade inútil chamada "Gula", que o mantinha constantemente faminto. Ele era um vassalo em uma casa de cavaleiros sagrados, onde era tratado com desdém, nutrindo uma paixão secreta pela cavaleira Roxy Hart. Ela destaca-se como a única guerreira nobre em um mundo dominado por cavaleiros que abusam de seu poder para oprimir o povo. Quando Fate acidentalmente mata um ladrão enquanto ajuda Roxy, ele descobre que sua habilidade de "Gula" vai além do que parecia. Esse evento o faz perceber os aspectos positivos e negativos de seu "pecado". Comprometido a proteger Roxy, ele decide usar seu poder em prol da casa daquela que sempre o tratou com humanidade e respeito. Baseada em uma novel escrita por Ichika Isshiki , com arte de fame , "Berserk of Gluttony" é serializada desde 2017,

Outros Papos indica: Japanese Noodles Udon Soba Kyoto Hyogo

 Saboreiem! Um canal dedicado à culinária japonesa! Se gostarem, se inscrevam lá!

Traduções ideológicas

Hoje, no blog, não farei recomendações, mas sim uma sugestão. Há uma controvérsia em torno de alterações indesejadas em traduções e legendas de obras japonesas. Se os próprios japoneses começassem a traduzir e legendar seus animes para o Ocidente, essas distorções poderiam ser evitadas. Pergunto-me por que, até agora, os japoneses ainda não optaram por legendarem eles mesmos e disponibilizarem à venda discos com suas obras legendadas em outros idiomas. Isso certamente eliminaria o ruído ideológico e, sem dúvida, eu seria um dos consumidores da mídia física lançada por eles, com legendas "feitas em casa". Na administração, aprendemos que devemos apresentar não apenas os problemas, mas também as soluções. Portanto, considero essa a solução para o problema das alterações ideológicas em obras orientais.