Pular para o conteúdo principal

OP indica um herói!

 Indicando mais um vídeo do canal do professor Bellei.

A vida sem Windows!

Dias sem Windows

Como sabem, eu deixei de lado qualquer produto Microsoft, incluindo Xbox, Word e Windows, pelos motivos apresentados na sexta-feira 19/06. Entrei de cabeça em outros sistemas e serviços e vou fazer uma breve explicação, mesmo porque meu conhecimento é muito superficial, mas, posso adiantar, foi a melhor escolha que fiz. Vou explicar com um pouco mais de detalhes.

Sistema Operacional (S.O.)



Meu novo sistema operacional (vou chamar assim) está rodando em uma máquina relativamente fraca, porém nova. Um notebook com Intel® Pentium(R) CPU 5405U @ 2.30GHz × 4 . O Pentium Gold tem um desempenho parecido com um I3 e, na verdade, ele perde para um Intel Core i3-10110U1, ou seja, o meu O.S. está em um computador mais fraco que o meu Windows estava anteriormente, todavia, eu me espantei com a velocidade e a estabilidade do sistema. Mesmo em uma máquina mais fraca, ele a faz rodar de maneira suave. No meu antigo Windows 10, se eu ligasse o Spotify e fosse tentar navegar, o navegador custava a abrir e a rodar. Aqui, eu abro o Spotify e, sem seguida, o navegador, e tudo funciona direitinho. 

Além de ser mais leve e mais estável, o meu novo S.O. não possui muitas falhas de segurança que possam ser usadas por um vírus, ou seja, ele é mais seguro que o Windows. Mesmo assim, como sou desconfiado, eu instalei um sistema antivírus que já vem de fábrica, afinal, não é porque o sistema possui poucas falhas de segurança, por ser código aberto, que eu vou relaxar na atenção. 



Em uma máquina com Windows, quase não se usa uma janela de comando (MS-DOS), mas no Linux o terminal (como chamam a janela de comandos) é essencial, divertida e interessante de se lidar. Estou aprendendo comandos e estou utilizando o terminal com frequência. É uma ferramenta de sistema incrível. 

Área de Trabalho

Como sou escritor e jornalista, a minha área de trabalho essencial são textos e imagens. O S.O. aparece com ótimas ferramentas nesse sentido, como o LibreOffice, que nada deixa a desejar para o Word e outros concorrentes, Além disso, estou usando o compartilhamento em nuvem da Google para guardar meus arquivos essenciais, e vou começar a usar, também, o Google Docs, o editor de vídeo e outras ferramentas, ou seja, para mim, os serviços da Microsoft não estão fazendo falta. Se eu desejar um trabalho melhor, uso o Indesign e, caso o Indesing não tenha aaptação para o Linux, acharei outro, como, por exemplo, o Scribus. E o melhor de tudo é que eles são "código aberto", ou seja, são ferramentas gratuítas para se trabalhar: 

WIKIPÉDIA2: Código aberto é um modelo de desenvolvimento criado em 1998, que promove o licenciamento livre para o design ou esquematização de um produto, e a redistribuição universal desses, com a possibilidade de livre consulta, examinação ou modificação do produto,[1] sem a necessidade de pagar uma licença comercial, promovendo um modelo colaborativo de produção intelectual.

A diferença

O que causa uma certa confusão é apenas a linguagem que difere entre o sistema Windows, que eu estava acostumado, com o sistema do Linux. Além disso, a instalação de pacotes pode ser um pouco trabalhosa e, recentemente, estou lutando com um pacote para colocar o scanner da minha impressora em funcionamento. Acredito que é questão de tempo até que eu consiga resolver isso e fazer o hplip funcionar direito. Ela imprime, mas não consigo fazer o scanner funcionar. 

No mais, estou adorando as novas descobertas, e a liberdade  de não depender de uma única empresa para conseguir trabalhar. Até a Steam funciona no Linux, então, em breve retornarei aos jogos. Deixo esse texto para que vocês conheçam que existe vida fora da Matrix, digo, MS. :) 

Leia mais em Versus: <https://versus.com/br/intel-core-i3-10110u-vs-intel-pentium-gold-5405u>

Leia mais em Wiki <https://pt.wikipedia.org/wiki/C%C3%B3digo_aberto#:~:text=C%C3%B3digo%20aberto%20%C3%A9%20um%20modelo,uma%20licen%C3%A7a%20comercial%2C%20promovendo%20um>


Postagens mais visitadas deste blog

Ghost in the Shell

Máquinas vivas; Um fantasma surge; O homem virtual. Ghost in the Shell está mais próximo do que pensamos! 

Boushoku no Berserk

Berserk of Gluttony: Uma Série Que É Meu "Pecado"! Boushoku no Berserk (Berserk of Gluttony) - Pictures - MyAnimeList.net Fate é um jovem que acreditava ter uma habilidade inútil chamada "Gula", que o mantinha constantemente faminto. Ele era um vassalo em uma casa de cavaleiros sagrados, onde era tratado com desdém, nutrindo uma paixão secreta pela cavaleira Roxy Hart. Ela destaca-se como a única guerreira nobre em um mundo dominado por cavaleiros que abusam de seu poder para oprimir o povo. Quando Fate acidentalmente mata um ladrão enquanto ajuda Roxy, ele descobre que sua habilidade de "Gula" vai além do que parecia. Esse evento o faz perceber os aspectos positivos e negativos de seu "pecado". Comprometido a proteger Roxy, ele decide usar seu poder em prol da casa daquela que sempre o tratou com humanidade e respeito. Baseada em uma novel escrita por Ichika Isshiki , com arte de fame , "Berserk of Gluttony" é serializada desde 2017,

Ciclos de revolução: A Quarta Revolução!

Ciclos de Revolução: A Quarta Revolução Revisão: ChatGPT Estamos vivenciando a quarta revolução industrial/tecnológica, e muito tem sido discutido sobre os potenciais danos que esta revolução pode causar ao tecido social, incluindo desemprego e outras adversidades. Procuro refletir sobre o futuro com base no passado, observando no presente os mesmos receios que nossos antepassados enfrentaram nas três revoluções industriais anteriores. Começo com uma conversa que tive com uma taxista, para então discorrer sobre algumas das revoluções passadas. Durante uma parada em uma lanchonete que estava instalando terminais de autoatendimento no último ano, tive uma conversa: “Taxista: --- Estão instalando essas máquinas para substituir trabalho humano. Muitos caixas estão perdendo seus empregos. Isso é o capitalismo! Eu: --- Por outro lado, a tecnologia, ao eliminar um posto de trabalho (caixa de atendimento), cria outras necessidades. A lanchonete precisará de profissionais para manutenção de sof