quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Capítulo inicial- Fé de mais, ou fé de menos?



Passo inicial do Fé de mais, ou fé de menos?

-----------------------------------------------------------

PASSO INICIAL - NÃO ACEITE O SOFRIMENTO



Algumas religiões podem induzi-lo a erros, por acreditarem que o sofrimento seja benéfico, já que levará a pessoa a um autoconhecimento e a um nível maior de esclarecimento. Não acredito nisso! É como se nos comparassem a personagens como o Goku (Dragon Ball Z) que, no calor de uma batalha perdida, emanam a energia necessária para vencer o problema, tornando-se seres maiores e melhores. Não somos assim. Eis algumas formas de enganação comuns:


Comparam nossa vida com algum metal.

Essa metáfora é uma das mais comuns. O metal necessita de ser forjado através de um intenso calor para ganhar forma, assim como a pessoa necessita das lutas diárias para forjar a sua alma e a sua personalidade. Não somos metal, embora o tenhamos na nossa constituição física; e a nossa personalidade não tem propriedades sequer parecidas com a dos metais. Essa metáfora é enganosa, pois muitas lutas diárias, de tão intensas, acabam por ceifar vidas, que não resistem à dor e ao sofrimento. Não devemos aceitar o sofrimento como algo que vai nos polir. Nunca vi o sofrimento me fazer algum bem. O que vai polir o caráter e a alma são o conhecimento e a sabedoria, que vêm da educação. É saber como proceder, fixando os ensinamentos através do coração.


Dizem que o sofrimento é um carma a ser levado, e que não há outro jeito.

Sim e não. Como toda falácia, começa com uma verdade, mas termina com uma enganação. O sofrimento, se for de caráter físico, como uma doença crônica, deve ser levado como carma, mas sempre há um jeito de reduzir seus efeitos. Assim é com o carma. Eu tenho Tireoidite de Hashimoto e não possui cura, mas tratamento. Quando a dosagem do remédio é eficaz, eu nem sinto o problema. O mesmo com o sofrimento. Não o aceite como uma cruz que deve carregar pela vida. Sempre haverá um modo de eliminá-lo, reduzi-lo ou contorná-lo. Como o remédio que faz efeito, eu reduzo o sofrimento causado pela tireoidite. Sempre tente eliminar ou reduzir o sofrimento, de maneira consciente e benéfica. Não se acomode com o que é dito, mas lute pelo seu bem-estar.


Que nossos inimigos são, na verdade, nossos aliados que enxergam nossos defeitos e nos ajudam a superar erros através do sofrimento.

Mais uma tentativa de distorcer uma realidade. Nossos inimigos nunca serão aliados, porque a visão deles nem sempre é correta. Nem sempre nos enxergam como realmente somos. E as palavras deles, com a visão distorcida, causam um sofrimento que não tem desculpa. Fui bancário e minha gerente executiva me perguntou se eu era doente. É claro que ela não se referia à Tireoidite de Hashimoto, a intenção era um ataque ao meu equilíbrio psíquico. O motivo: um atendimento errado, por parte de outros funcionários, que recaiu sobre meus ombros. Não sou doente, e nunca fui. Por ter uma visão distorcida a meu respeito, ela me causou muito mal. Portanto, não aceite o sofrimento que vem com as palavras de seus inimigos. Isso não faz bem algum. Nunca me senti bem depois de sofrimentos e perseguições.


O sofrimento é fruto do pecado.

Um mestre a quem respeito muito já afirmou: “Somos Filhos de Deus Perfeito”. Ora, se somos Filhos de Deus Perfeito, não aceite o sofrimento, que nunca expiará seus pecados através da dor. Ele, sendo Perfeito, sabe perdoar e amar. Se Ele ama e perdoa, o pecado não possui força para subjugar os filhos d’Ele. Então, novamente, não aceite o sofrimento, seja ele qual for.

Escrevo para motivar a todos. Não deixem de lutar contra o sofrimento, somente porque alguém acha que o sofrimento é bom. O sofrimento não é bom. O sofrimento nunca foi bom e nunca será. Dependendo da intensidade, o sofrimento pode, inclusive, deformar o caráter e prejudicar o desenvolvimento, por isso, levante e lute sempre. Estes são os passos que me levaram a inúmeras vitórias. Levante e lute também!   

________________________________________________________________________

Para saber aonde comprar, clique aqui.