quarta-feira, 19 de janeiro de 2022

Defender a justiça!

Defender a justiça;

Tocar nessa carniça;

Sujar o uniforme;

Sempre agir conforme.


Palavras não bastam não;

Sim, agir é preciso;

Ser como um bastião;

Símbolo precioso. 


Quem liga age certo;

Quer estar sempre perto;

Ações são mais precisas;

Fardas são sempre lisas.




Eu Escritor!

Participei da seleção de textos do projeto Apparere, da editora Perse, e estarei nas páginas da antologia com o texto abaixo. O texto foi pe...