Pular para o conteúdo principal

OP indica um canal sobre Azur Lane

**Yostar** Copidesque: ChatGPT 4o A Yostar é uma empresa japonesa conhecida por seu papel de destaque no desenvolvimento e publicação de jogos mobile, com grande foco na criação de experiências imersivas e envolventes. Fundada em 2014, a Yostar rapidamente se estabeleceu como uma das principais desenvolvedoras do gênero gacha, conquistando fãs ao redor do mundo. **Jogos de Sucesso** Entre seus lançamentos de maior sucesso estão *Azur Lane*, *Arknights* e *Blue Archive*. Cada um desses jogos apresenta uma combinação única de mecânicas de jogo, narrativas cativantes e visuais atraentes que têm capturado a imaginação dos jogadores. *Azur Lane*, por exemplo, transforma navios de guerra históricos em personagens anime chamadas shipgirls, que lutam contra inimigos em uma narrativa rica e complexa. *Arknights* é um jogo de defesa de torre com uma narrativa distópica e design de personagens únicos, enquanto *Blue Archive* oferece uma experiência de RPG escolar com uma trama envolvente e person

Ciclo da Cultura Japonesa 2013

Ciclo da Cultura Japonesa 2013



    Iniciou-se, no Casa Park, na data de 26 de setembro de 2013, a 3ª Semana da Cultura Japonesa. O evento, que irá até o dia 02 de outubro de 2013, possui diversas atividades relacionadas com a Terra do Sol Nascente. Fiquem atentos para as datas em negrito, pois algumas atividades já se encerraram.


    Eu informo aqui, meio que no arrasto do tempo que se fecha, algumas atividades que ainda dá para alcançar e relato o que já aconteceu. O faço, pois o Ciclo da Cultura Japonesa não termina com esta 3ª Semana de Cultura Japonesa, mas inicia-se com ela. Após esta semana, até o fim do ano (dezembro), teremos inúmeras atividades e as colocarei aqui, em tempo hábil, para que todos possam conhecer e participar.


O que já aconteceu:


    No dia 28 de setembro, ocorreu um workshop de Ikebana. Cada participante criou um arranjo floral, sob a orientação de professores da Ikebana Sogetsu. Além do workshop de Ikebana, o dia 28 de setembro nos trouxe uma demonstração de Arco Japonês- “O Caminho do Arco, com a prática de Kyudo (arco japonês) e apresentação das formas de disparo com a Associação de Kyudo do Distrito Federal.  A Associação de Kyudo assim se originou: “Em janeiro de 2010, realizou-se em Brasília, de forma pioneira no país, o I Workshop de Kyudo do Distrito Federal, formando-se então o primeiro grupo de treinamento regular fora do Rio de janeiro, a Associação de Kyudo do Distrito Federal – KYUDO KAI DF (KKDF)”. Clique aquipara conhecer a Associação. Ambas as atividades foram realizadas no Hall do Casa Park. O vídeo abaixo é meramente ilustrativo da atividade, não sendo o mesmo da atividade do Casa Park.






O que ainda dá para pegar:


     Dia 29 de setembro, na Praça Central do Casa Park, acontece a Exposição de Ikebana- “A Leveza das Flores” que mostrará 40 composições florais. Ikebana, é assim relatada no site do Consulado Japonês: “Ao ser iniciada, há 13 séculos atrás, Ikebana destinava-se a simbolizar certos conceitos filosóficos do Budismo. Todavia, com o passar do tempo, na niponização completa do arranjo floral e na sua adaptação ao gênio peculiar do povo japonês, muito da conotação religiosa desapareceu, enfatizando-se o ensino do naturalismo”.





    De 26 de setembro, até 02 de outubro, também na Praça Central do Casa Park, temos a Exposição de Cerâmica Japonesa com diversos tipos de vasos e utilidades feitos com a tradicional tecnologia de cerâmica do Japão, chamada Yakishime. Lembrando que a cerâmica, o Ikebana e a Cerimônia do Chá estão intimamente ligados.




 
    No dia 29 de setembro, teremos, às 14h, uma Demonstração de Modelagem em Argila, com a Cerâmica Honjo. Haverá a demonstração de como modelar argila e os interessados poderão praticar o uso do torno.


    No dia de hoje, 29 de setembro, teremos a apresentação de Kenjutsu- arte tradicional da espada japonesa, com o Instituto Niten, que apresentará, das 17h às 17h30, técnicas de Kata (formas tradicionais), de Kenjutsu (simulação de combate) e laijutsu (arte de saque de espada). O evento ocorrerá na Praça Central do Casa Park. O site do Instituto descreve assim suas origens: “O Instituto Niten iniciou os treinos em Brasília em 2003 e hoje conta com três Unidades no Distrito Federal. Nos treinamentos são passadas as tradições guerreiras da espada samurai, o Kenjutsu, o Jojutsu e o Iaijutsu, a Cultura, a Filosofia do Bushido e o Método KIR, a partir dos ensinamentos do Sensei Jorge Kishikawa”. Clique aqui para conhecer mais. Abaixo, vídeo com o mestre Jorge Kishikawa, retirado do canal do Instituto no Youtube.





  
    Também, no dia 29 de setembro, às 18h, teremos a Demonstração de Taikô- Shintou Daiko. O Shintou Daiko tem por objetivo manter viva a tradição da cultura japonesa no Distrito Federal, sendo que Shintou representa a união entre o coração e a mente. 




    No dia 02 de outubro, o dia do encerramento desta semana, teremos a Demonstração de Culinária Tradicional Japonesa, tendo como base o Hanami Bento (combinado comumente usado para apreciar o florescer das cerejeiras) e será apresentado o Tirashi Zushi. O prato será ensinado pelo próprio chef- Seiichi Tsuchiya- que trabalha com o atual embaixador, além de participação, também, de Ryozo Komiya, do restaurante New Koto e que também já foi chef do embaixador do Japão.  Este evento contará, ainda com a decoração de David Yamamoto da casa Bonsai. A demonstração de Culinária será realizada na Praça Central do Casa Park. Vagas Limitadas. Para participar era preciso enviar e-mail para cultural.japao@bs.mofa.go.jp, com nome e telefone. A participação seria confirmada após envio de mensagem resposta pela Embaixada do Japão. Talvez ainda dê tempo, corre lá!

Tirashi do Restaurante Hiro



    Sobre Bonsai: “O bonsai é uma árvore, arbusto ou trepadeira lenhosa que cultivada em vasos através de técnicas específicas e tamanho bem reduzido, expressa totalmente a beleza e o volume da planta em seu porte original inclusive com floração e frutos. A diferença entre o bonsai e as demais plantas de vaso é que, enquanto essas são em geral espécies cujas flores ou folhas nos dão o motivo de apreciação da planta, no bonsai o que conta é a miniaturização. Em outras palavras, a beleza, por exemplo, de toda uma árvore reduzida a uns poucos centímetros, em perfeita harmonia com seu recipiente”. (Retiradodo site Arte do Bonsai)





Para saber mais, clique na imagem abaixo que ela abrirá.





    E isso é apenas o começo de muitas atividades que serão implementadas, aqui no DF, para as festividades do Ciclo da Cultura Japonesa 2013. Mais para frente, teremos o Festival da Canção Japonesa, em 27 de outubro, o VI Fórum de Estudos Japonesas, em novembro, além de muitas outras novidades. A cada evento farei uma divulgação, ou matéria relacionada, aqui para o Outros Papos.

    

Postagens mais visitadas deste blog

Ghost in the Shell

Máquinas vivas; Um fantasma surge; O homem virtual. Ghost in the Shell está mais próximo do que pensamos! 

Boushoku no Berserk

Berserk of Gluttony: Uma Série Que É Meu "Pecado"! Boushoku no Berserk (Berserk of Gluttony) - Pictures - MyAnimeList.net Fate é um jovem que acreditava ter uma habilidade inútil chamada "Gula", que o mantinha constantemente faminto. Ele era um vassalo em uma casa de cavaleiros sagrados, onde era tratado com desdém, nutrindo uma paixão secreta pela cavaleira Roxy Hart. Ela destaca-se como a única guerreira nobre em um mundo dominado por cavaleiros que abusam de seu poder para oprimir o povo. Quando Fate acidentalmente mata um ladrão enquanto ajuda Roxy, ele descobre que sua habilidade de "Gula" vai além do que parecia. Esse evento o faz perceber os aspectos positivos e negativos de seu "pecado". Comprometido a proteger Roxy, ele decide usar seu poder em prol da casa daquela que sempre o tratou com humanidade e respeito. Baseada em uma novel escrita por Ichika Isshiki , com arte de fame , "Berserk of Gluttony" é serializada desde 2017,

Ciclos de revolução: A Quarta Revolução!

Ciclos de Revolução: A Quarta Revolução Revisão: ChatGPT Estamos vivenciando a quarta revolução industrial/tecnológica, e muito tem sido discutido sobre os potenciais danos que esta revolução pode causar ao tecido social, incluindo desemprego e outras adversidades. Procuro refletir sobre o futuro com base no passado, observando no presente os mesmos receios que nossos antepassados enfrentaram nas três revoluções industriais anteriores. Começo com uma conversa que tive com uma taxista, para então discorrer sobre algumas das revoluções passadas. Durante uma parada em uma lanchonete que estava instalando terminais de autoatendimento no último ano, tive uma conversa: “Taxista: --- Estão instalando essas máquinas para substituir trabalho humano. Muitos caixas estão perdendo seus empregos. Isso é o capitalismo! Eu: --- Por outro lado, a tecnologia, ao eliminar um posto de trabalho (caixa de atendimento), cria outras necessidades. A lanchonete precisará de profissionais para manutenção de sof