sexta-feira, 21 de abril de 2017

Drops: Idun e Thor


Outros Papos Drops: Idun e Thor

 

Idun

Idun do jogo Valkyrie Connect


Deusa nórdica da primavera, no jogo Valkyrie Connect, é representada por uma linda e gentil mulher capaz de enternecer o coração de seres como os Jotun. É do jogo a imagem que busquei para representá-la aqui. Semana passada, eu me senti como o jotun Thiassi, pois estava no shopping e uma mulher belíssima veio me pedir ajuda para pegar o Uber. Tão linda, alegre e simpática como a Idun, logo me senti como Thiassi. Saí do shopping perplexo que ainda existam mulheres que falem com este ogro. A humanidade ainda tem esperança.


Thor

É outro deus nórdico, como a Idun. Nos quadrinhos da Marvel, os editores decidiram que eles não seriam mais deuses, mas alienígenas com tecnologia avançada. Não gostei dessa decisão, pois tira o brilho e o impacto que os personagens possuíam antes. Todos sabemos que tecnologia pode ser substituída, copiada, hackeada, alterada e destruída. Não causa espanto nenhum ao ver isso em tela, pois é normal. A Enterprise, por exemplo, já passou por tudo isso. Já a magia não. Um feitiço de Odin só deveria ser desfeito pelo rei. O Mjolnir não poderia ser destruído, ou, por fim, os deuses deveriam ser superiores a monstros e criaturas. A magia é algo excepcional. Já que Thor é só um ET, o trailer abaixo não causa impacto. Imaginem, por exemplo, se a Marvel tivesse mantido a imagem divina dele? A destruição do Mjolnir seria maior aos nossos olhos. Eu saltaria da cadeira dizendo “que poderosa não deve ser esta deusa que é capaz de destruir o indestrutível Mjolnir”! Agora não. Como é tudo tecnologia, eu digo para o Thor ir atrás do Spock que ele faz outro martelo para ele. Não tem graça. E é por isso que não achei grande coisa o trailer abaixo. É quase um capítulo de Star Trek no qual o capitão Kirk (Thor) fica preso em um planeta desconhecido, e sem a ajuda da Enterprise (Mjolnir) e sua equipe. Bléh!