sexta-feira, 21 de julho de 2017

Troféu Didi Mocó, Clichês & Boku no Hero!


Drops

Troféu Didi Mocó



Quem acompanhou Os Trapalhões na Globo, conhece o personagem Didi Mocó, interpretado por Renato Aragão. Ele era preguiçoso, malandro, adorava não trabalhar, armava para cima dos amigos e sempre se saía bem das confusões. Em Akashic Records, vimos um professor com as mesmas características. Professor Glenn, obrigado por me lembrar deste maravilhoso personagem da minha infância. O Troféu Didi Mocó é seu com orgulho! abaixo a abertura da série também disponível via Crunchyroll.






Boku No Hero Academia (Crunchyroll)




Finalmente, chegou ao Brasil, via Crunchyroll, a série My Hero Academia. Coloquei em dia os episódios essenciais e estou gostando muito do enredo. Futuramente, vou até elogiar a série, pois tenho me divertido muito com ela,  entretanto, um dos arcos da série me lembrou um clichê que vou explicar abaixo.


Clichês

Clichê é uma estrutura narrativa que serve como base para a construção de um enredo, assim como um esqueleto serve como sustentação para o corpo. Clichês são eficientes e se repetem em diversas histórias. Se bem usado torna o enredo muito interessante, se mal usado ele se torna sem criatividade e chato. Um clichê comum em mangás e animês é o maldito 1º Torneio, ou Festival ou Campeonato. Ele se tornou maldito, porque o herói sempre perde este campeonato, caso o clichê seja respeitado. Exemplos de séries nas quais o personagem falhou no seu primeiro campeonato: Pokemon, Ace no Diamond, Kuroko No Basket, Boku No Hero Academia e Little Witch Academia (série).

No caso de Boku No Hero, eu nem terminei de assistir ao campeonato, de tão chato que esse clichê se tornou, apesar do torneio em si ter sido bem nteressante. O curioso é que em Boku no Hero, como em Kuroko e Ace no Diamond, o personagem mais babaca ganha o torneio. Isso está tão desgastante e ridículo que, quando for noticiado, em qualquer série, que o personagem terá seu primeiro torneio, eu não vou assistir. Vou esperar a conclusão do mesmo e, dependendo do resultado, vejo em maratona ou me mantenho afastado.  Apesar disso, Boku no Hero tem uma história cativante e personagens super carismáticos. Faz sucesso merecido, pois é bem caprichado. Eu recomendo a série, pelos seus outros arcos. 


quarta-feira, 19 de julho de 2017

Não adoeça!


Quando você adoecer;

Um pedaço de mim irá enfraquecer;

Não tenho condições disso vencer;

É a minha fraqueza, o meu padecer.



A fragilidade do corpo me estremece;

Odeio como isso me enfraquece;

A alma padece;

Você não merece.



Não quero te ver enfraquecida;

Quero te ver reestabelecida;

Com esta doença vencida;

Assim oro por Nossa Senhora Aparecida.



O poema saiu bem triste, por isso escolhi um AMV (Anime Music Video) com um impacto visual mais vívido. Um dos personagens de Kyoukai No Kanata é imortal, portanto, a antítese deste poema, ou seja, fez um contraponto ao que está escrito aqui. Achei legal usar este AMV por esta razão em especial.




segunda-feira, 17 de julho de 2017

Lula condenado e a Emenda Lula!


Lula Condenado e a Emenda Lula!



----------------------------------------         DESABAFO          ----------------------------------------------

E a política não dá descanso por causa dos corruptos. É sério, pessoal, se vocês gostam do PT, tratem de limpá-lo dos corruptos, ao invés de tentar protege-los. Assim não dá. A vontade que eu tenho, no momento, é de que este partido venha a ter seu direito cassado, entretanto, eu sei que, se depender do TSE, isso não vai acontecer e ainda correremos o risco de passar vergonha com os votos insanos que seriam proferidos. É deles a culpa pela instabilidade política atual, ao preferir não cassar a chapa PT-PMDB, mesmo com todas as evidências. Que a ira de Deus recaia sobre vocês, não é ministro Napoleão?

---------------------------------------       FIM DO DESABFO       ----------------------------------------------

Depois desse desabafo, vamos ao que importa! Lula foi condenado a um pouco mais de 9 anos de prisão pelo caso do triplex. Era uma condenação evidente para quem leu a acusação do MPF, e para quem acompanhou a última arguição entre Lula e Moro. Aquela mesma que os esquerdopatas queriam transformar em disputa eleitoral, quando, na verdade, estava sendo julgado um crime de um ex-presidente da República. Com uma acusação robusta, e Lula se enrolando todo no último depoimento, não tinha chance. Condenação certa!

Condenado em primeira instância, Lula, agora réu, recorrerá da sentença em segunda instância. O colegiado que analisará a sentença dificilmente o inocentará e ainda pode vir a aumentar o peso da condenação. Lógico que estamos falando do Brasil, então, qualquer coisa pode acontecer. Os juízes sofrerão pressão, terão suas vidas expostas e os esquerdopatas mentirão sobre eles. Não será fácil, como não foi fácil para o Moro. Considerando as estatísticas que já mostrei aqui no blog, o colegiado altera 30% das sentenças do Moro, mas quase nunca para absolver o réu. A sentença do Moro é forte, as evidências são fortes, a acusação é forte, logo, o mais provável é que o TRF 4 venha a afirmar a sentença proferida. 

O advogado de Lula sabe disso. Os políticos ligados a Lula sabem disso. Por isso, o advogado entrará com diversos recursos para tentar chegar em 2018 sem uma condenação em segunda instância, que seria o fim do Lula; e seus políticos amigos estão tentando essa maldita Emenda Lula, que permite que candidatos não sejam presos 8 meses antes das eleições.   Sobre o primeiro ponto não há nada a se fazer. É direito do advogado lutar pelo réu, mesmo que a estratégia seja esta. Enquanto houver dinheiro, o advogado irá gerar quantos recursos forem necessários e para diversos tribunais existentes.


Já sobre a Emenda Lula, nós podemos fazer algo a respeito. Mostre ao seu político que você não vai tolerar isso! Queremos uma política limpa! Chega de Lula, Dilma, Temer, Renan, Cunha, FHC, Aécio, Sarney, Maluf, enfim, chega de votar em quem não representa os ideais do Brasil. Queremos ordem. Queremos progresso. Queremos um Estado mínimo. Queremos um Congresso limpo!  Por isso, eu peço também que, em 2018, possamos renovar o Congresso no voto. Não vote nos mesmos cabras que estão aí, renove a nossa política e não vote em ladrão! Espalhe essa ideia!

#RenoveNoVoto2018