sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Transformações e personagem transformador!

Estava lendo no Anime News Network uma das matérias sobre resultado de votações no quesito “transformação”. Foram votadas as mais belas transformações de heróis e heroínas. O belo destas transformações, para mim, é o contexto no qual elas se inserem, pois, em muitos casos, simboliza o fim de uma tirania. Quando o herói/heroína decide lutar, ele, ou ela, se transforma e isso simboliza, em grande parte dos roteiros, o fim do terror. Com a música adequada, é uma das coisas mais lindas de se ver em uma animação. Veja um exemplo clássico abaixo e clique para ver a lista completa no site Intoxianime:



E eu queria complementar com outra proposta. Sabiam que nem sempre esta transformação é visível? Existem casos em que esta transformação se dá no interior do personagem. Não existem relâmpagos, raios ou luzes, mas apenas uma mudança de postura, uma mudança de pensamento. Quando muda-se o pensamento, um herói surge! Em Magi, vemos isso claramente. A primeira série está disponível na Netflix.




Outro ponto importante é a ação do que eu chamo de “personagem transformador” (Outros Papos, Uol Blog, em 22/08/2011). Ele é aquele, como defini, capaz, por diálogo ou ação, de transformar o ambiente e mudar a trama para um final positivo ou negativo e, por consequência, mudar o destino de outros personagens. No vídeo acima, Alibabá teve o reforço positivo do Aladin para sua transformação. No clipe abaixo, da série The Idolm@ster, uma cantora é impedida de cantar por um trauma que a atormenta. A carreira está perto do fim, quando vários personagens se unem para mover o destino dela. Uma das cenas mais lindas que vi em 2011.   





Bônus! E antes que digam que animê é machista, a Morgiana retribui a ajuda e mostra aqui uma das mais belas cenas de ação desta série.