Pular para o conteúdo principal

Drops: Aho Girl & Animes dublados no CR!

Drops: Aho Girl & Rokka Dublado

Aho Girl

Esta série não é desta temporada e eu não fui muito fã de algumas piadas do animê, mas achei interessante um debate sobre uma coisa relacionada a ela. “Aho” é idiota em japonês, então, o animê se baseia em uma garota idiota. Ao terminar a série, eu me perguntei se ela era realmente idiota. Ela possui uma inteligência emocional muito forte, pois ela manipula os outros e faz com que todos, ou quase todos, sigam seus conselhos ou ideias; por exemplo, ela consegue até manipular uma professora. Isso me colocou em dúvida de quem seria o verdadeiro "aho". Olhem o exemplo abaixo. 




Animes dublados no Crunchyroll!


O Crunchyroll começou a dublar as séries em português. Veja um trailer antes do texto. 



Tem muitas maneiras de se julgar uma dublagem. Eu escolhi julgar baseado na interpretação e na harmonia. Interpretação é o fator que emite uma sensação através do tom da voz, transmitindo ao ouvinte as emoções do personagem dublado. Harmonia possui três fatores importantes: 1- A voz coincide com o personagem; 2- A voz é agradável; 3- O conjunto ocasiona equilíbrio.

Eu assisti um capítulo de Yamada (primeiro capítulo) e um capítulo de Rokka (último capítulo), sendo que posso afirmar que nestes dois quesitos, harmonia e interpretação, o trabalho passou com média. A interpretação está bacana e a harmonia está regular. Ainda destoa, pois o trabalho conjunto precisava engrenar melhor, isto é, o diretor-geral da dublagem deveria ter equilibrado um pouco melhor, por exemplo, os tons. No entanto, não percebi, nestes quesitos, nada grave. Tudo bem elaborado.

Como foi um trabalho inicial, existe um processo de “ajuste fino” pelo qual os problemas serão resolvidos. Dever-se-á colher dados sobre o que se errou e acertou e ajustar para futuras dublagens. Entretanto, espero que a dublagem continue, pois eles estão no caminho certo.  Abaixo mais detalhes segundo o IntoxiAnime:



Dados técnicos:
Estúdio Dubbing Company (Campinas)

Rokka



Adlet Mayer: Roberto Rodrigues
Nashetania Loei Piena Augustra: Gabriela Pellegrino
Fremy Speeddraw: Jessica Cardia
Hans Humpty: Gustavo Martinez
Goldov Auora: Renan Alonso
Chamot Rosso: Amanda Tavares
Maura Chester: Amanda Moreira


Yamada-kun to 7-nin no Majo



Ryu Yamada: Renan Alonso
Urara Shiraishi: Raissa Bueno
Toranosuke Miyamura: Renan Villela
Nene Odagiri: Jessica Cardia
Ushio Igarashi: Gustavo Martinez
Leona Miyamura: Amanda Moreira
Noa Takigawa: Beta Cinalli
Mikoto Asuka: Viviane Munuera


E aqui, para os jovens, deixo um exemplo da pior dublagem já realizada. E não é só minha opinião, é um consenso geral. Somente este gemido inicial já colocará vocês em agonia!




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Diego Rox e o Jardim das Borboletas

Diego Rox e o Jardim das Borboletas
Como sabem, sou inscrito do canal do Nando Moura, ou seja, sou um dos “bots” do canal. Sobre este assunto, está até engraçado. Vou escrever sobre isto antes de entrar no assunto. Os adversários que temem a verdade nos ofendem com termos que não condizem com nosso real comportamento. Ficou engraçado, porque, se juntarmos todas as ofensas em uma frase, eu acabo virando um “robô, com recurso de bot, nazista e fascista, que não gosta de odores fortes”, por isso, está engraçado ver esta situação. Fui reduzido a um robô Windows 10, que não gosta de pum.
Ao assunto. Através do vídeo do Nando, sobre o uso de bots, eu acabei conhecendo o canal do Diego Rox. Veja um vídeo abaixo. Ele parece ter uma agenda parecida com a do Nando Moura, isto é, ele é cristão, pois acredita em Deus e em Cristo, prega ação contra a corrupção, homenageia os verdadeiros heróis anônimos, é caridoso e defende a liberdade. Uma agenda que também me aproxima dele, por isso, hoje, esto…

Cavaleira ou Amazona? Veja a resposta!

Amazona ou Cavaleira?
    Em meu tempo de colégio, nas décadas de 80 e 90, nos foi ensinado que o feminino de cavaleiro seria amazona. Em uma prova, um colega marcou o feminino de cavaleiro sendo cavaleira e foi repreendido. Desta forma, fixei amazona como o feminino correto para o termo em questão, ou seja, mulher que anda a cavalo. Ao assistir Walkure Romanze, eu me deparei com a palavra cavaleira e me questionei. Inclusive, alertei-os para a forma que eu julgava correta, mas sem retorno positivo. Deste modo, fui pesquisar para ver se a expressão estaria correta.


    Nestas pesquisas, encontrei um professor que prontamente me respondeu a esta questão. O caso estava solucionado com uma bela lição que, agora, repasso a vocês. Com a palavra o professor Ari Riboldi.
    No meu tempo de estudante, no ensino primário e no ginásio, também se aprendia assim: cavaleiro (masc.), amazona (fem); cavalheiro (masc.), dama (fem.). No entanto, os dicionários registram o termo 'cavaleira' …

Será o Veredito?!

Canal Será o Veredito?!
Foi a primeira recomendação do Youtube que gostei de ter recebido. Sobre o canal: “O Direito tá na mídia! O Direito tá na moda! Um juiz de direito se torna celebridade nacional. Tribunais transmitem suas sessões ao vivo pela televisão. Os meios de comunicação não se cansam de veicular notícias jurídicas. Mas, o mundo jurídico possui formalidades que dificultam a compreensão dos seus temas pelo cidadão que não tem formação no direito. Muito se fala; pouco se explica. Por isso surgiu o "Será o Veredito!?". Um canal que traz informações sobre o direito com uma linguagem simples, clara e objetiva.”



O primeiro vídeo que vi desse canal foi uma resposta ao Bugalho. Uma resposta baseada em livros, mostrando a fonte de seu conhecimento e minando, com ótimos argumentos, a posição de seu opositor. Todos os vídeos que assisti foram assim, com a fonte de leitura em mãos. Ele já se disse de centro-direita, o que o faz ser um aliado natural da liberdade e da proprie…