segunda-feira, 5 de maio de 2014

Crunchyroll mangá

Aplicativo de leitura



O Crunchyroll (CR) tornou-se um centro de entretenimento mais diversificado e, por assim dizer, mais completo. À época do início de sua expansão para o Brasil e América Latina, ele nos trouxe animês e dramas japoneses. Fixando-se em nosso território, além de aumentar o acervo de títulos, iniciou a legendagem deles em português. Em um momento mais recente, o CR abriu uma seção de quadrinhos japoneses (mangá), além de criar um novo site para o KDrama (dramas asiáticos). A expansão é evidente em todos os aspectos, inclusive com o oferecimento de vagas para a área de marketing (clique aqui e veja).


Como já analisei o CR em dois momentos (06 deabril, e também em 06 de novembro) gostaria de complementar estas análises com o novo serviço de leitura digital de mangás oferecido pelo Crunchyroll. Será uma análise rápida em dois aspectos: Quantidade de Títulos e Disponibilidade para leitura.



A quantidade está em um nível interessante, pois possui inúmeros títulos para nossa região. O CR possui mais título, hoje, que muitas editoras tradicionais. Acho que o fato da plataforma ser eletrônica acaba por facilitar o aumento do acervo. A distribuição do CR por diversas regiões, bem como seus contatos, acabam por facilitar a vinda de títulos para o seu serviço. Acredito, também, que tanto o CR, como uma editora convencional, realizam contratos de serviço de tradução, diagramação, revisão e outros que forem necessários para a venda de seus mangás. O que difere é que, em uma editora tradicional, o serviço de gráfica, além de oneroso, demanda tempo, já na plataforma digital, basta atualizar o serviço e “upar” o arquivo para a plataforma. Também não existe a necessidade de se criar cópias para a venda em bancas. Tudo é eletrônico, portanto, mais barato. Não apenas isso, a quantidade de títulos pode ser fruto de um grande investimento na área. E a quantidade de títulos não seria nada se não houvesse algum “carro chefe” de vendas. Para nossa região, temos Attack on Titan, Fairy Tail, Space Brothers, Arpeggio e outros títulos interessantes. Infelizmente, ainda não estão em português, mas acredito que isso seja uma questão de tempo, pois foi exatamente assim no início dos outros serviços ofertados.






A disponibilidade para a leitura é outro ponto forte. Além do serviço estar disponível na plataforma “convencional”, isto é, para PCs, ele pode ser lido em aplicativos disponíveis na Play Store e na App Store da Apple (Android e Iphone). Isso significa que podemos ter acesso aos títulos em qualquer ocasião. Ao ter uma oportunidade, basta acionar o app, escolher o título e ler. O serviço nos deixa marcar alguns mangás como “favoritos” e isso facilita ao tentar acha-los dentro do acervo, pois os mesmos ficam separados dos outros. E roda bem. Mesmo em lugares aonde o sinal é fraco, o mangá abre e a leitura é fácil.



A conclusão que cheguei é que o serviço é muito bom e, por isso, uma excelente oportunidade. Basta uma assinatura em algum dos planos abaixo para se ter o acesso a ele e começar a ler bons mangás em qualquer lugar que queira.